ATMP solicita ao Governador que escolha o candidato mais votado para o cargo de PGJ

Imagem

A Presidente da Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP), Jacqueline Orofino, protocolou, na última sexta-feira, 16, um ofício  solicitando ao governador do Estado, Mauro Carlesse, que nomeie como próximo Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público do Tocantins (MPTO) o candidato mais votado na lista tríplice encaminhada pela Instituição.

A eleição aconteceu na última sexta-feira, por meio de votação eletrônica, com a participação exclusiva dos membros.  Os nomes que compõem a lista tríplice são dos Promotores de Justiça Luciano Casaroti, Abel Andrade Leal Júnior e Marcelo Ulisses Sampaio.

Segundo a legislação, apesar de haver uma votação, o governador pode escolher qualquer um dos nomes que compõem a lista tríplice enviada ao chefe do Executivo no final do processo eleitoral.

 “Esperamos que o governador leve em consideração os princípios da democracia, respeitando a vontade dos membros do MPE e indicando para o cargo o promotor com maior número de votos”, destaca a presidente.