Presidente da ATMP prestigia posse do Corregedor-Geral do MPTO

Imagem

O presidente da Associação Tocantinense do Ministério Público, Pedro Evandro de Vicente Rufato participou na manhã desta segunda-feira, 14, da posse do procurador de Justiça Marco Antônio Bezerra como corregedor-geral do Ministério Público do Tocantins (MPTO), para o biênio 2021/2022. A solenidade, realizada pelo Colégio de Procuradores de Justiça (CPJ), marcou a última sessão conduzida pela procuradora-geral de Justiça Maria Cotinha Bezerra à frente do colegiado.

Marco Antônio Bezerra atua como corregedor-geral do MPTO desde 2019 e foi reconduzido ao cargo em eleição realizada pelo CPJ em 12 de novembro. Em seu discurso de posse, observou que o Ministério Público precisa manter atuação próxima à sociedade, assegurando garantias e interesses sociais. “Só o contato direto e contínuo do promotor de Justiça com os munícipes é que lhe traz a segurança e credibilidade para o desempenho de suas funções”, salientou.

A sessão solene também foi marcada pela primeira participação do promotor de Justiça Pedro Evandro Rufato em sessão do CPJ, como representante da ATMP. Rufato foi promotor-corregedor no biênio 2019/2020 e tomou posse como presidente da ATMP na última sexta-feira, 11.

A solenidade de posse do corregedor-geral Marco Antônio Bezerra foi prestigiada pelo procurador-geral de Justiça nomeado, Luciano Casaroti, pelo corregedor-geral substituto José Maria da Silva Júnior, pelo promotor-corregedor Benedicto de Oliveira Guedes Neto e pela corregedora-geral da Defensoria Pública do Estado do Tocantins, Irisneide Ferreira dos Santos Cruz.

Ao final da cerimônia, o corregedor-geral Marco Antônio Bezerra anunciou que o promotor de Justiça Edson Azambuja atuará como promotor-corregedor pelos próximos dois anos. (com informações MPTO)