30/08/2022 15:20:13

Projeto “Chega de Lixão” do MPTO é semifinalista do Prêmio CNMP

Imagem

Desenvolvido pelo Ministério Público do Tocantins (MPTO), o projeto “Chega de Lixão”, que tem como objetivo promover a implantação de modelos de gestão de resíduos sólidos nos municípios tocantinenses, é semifinalista da 10ª edição do Prêmio Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), na categoria sustentabilidade. A lista com os projetos selecionados foi divulgada nesta segunda-feira, 29, pela Comissão de Planejamento Estratégico do CNMP.

O projeto “Chega de Lixão”, desenvolvido pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Meio Ambiente (Caoma), faz parte das mais de três mil iniciativas cadastradas no Banco Nacional de Projetos (BNP), produto do Planejamento Estratégico Nacional, ferramenta responsável por coletar e disseminar práticas bem-sucedidas no Ministério Público.

Na próxima etapa do concurso, serão classificadas 27 iniciativas finalistas, as três primeiras colocadas de cada categoria.

Os vencedores serão revelados durante a cerimônia de premiação, prevista para acontecer no dia 30 de novembro, na sede do CNMP, em Brasília.

Na edição passada, o MPTO conquistou a 2ª colocação com o projeto Gestão Documental, desenvolvido pelo Departamento de Planejamento e Gestão, na categoria Gestão Documental e Memória Institucional. (Shara Alves de Oliveira/MPTO)