Comissão de Mulheres reúne-se em Brasília

Imagem

 
As associadas da ATMP, Promotoras de Justiça Flávia Souza Rodrigues e Jacqueline Orofino, compõem a  recém-criada Comissão de Mulheres da Conamp, que realizou a sua primeira reunião esta semana, em Brasília.
 
A Promotora de Justiça Flávia Rodrigues esteve  na capital federal e  participou da reunião que definiu a  organização,  rotina de trabalho e objetivos do grupo, que é valorizar as mulheres do Ministério Público Brasileiro; propor ideias e estratégias pela garantia da representatividade e igualdade institucional e associativa; e acompanhar processos legislativos de interesse da classe ou que afetem diretamente direitos fundamentais das mulheres.
 
A primeira reunião foi dirigida pelo presidente da CONAMP, Victor Hugo, e ainda contou com a participação de vários presidentes das associações afiliadas. “Esta comissão de mulheres integra um conjunto de nossa entidade que tem por  objetivo acabar com qualquer resquício de preconceito e discriminação, bem como concretizar o princípio da igualdade, alicerce da sociedade projetado pela Constituição Federal para a nação brasileira, também no âmbito do Ministério Público”, disse o presidente da Conamp.
 
Coordenação
Na reunião, as participantes ainda elegeram uma diretoria para a comissão. Nayani Kelly Garcia, indicada pela Associação Paranaense do MP, foi eleita coordenadora. Nos cargos de subcoordenadora e secretária, foram eleitas Elisamara Sigles Vodonos Portela, indicada pela Associação do MP de Mato Grosso, e Luciana Cristina Giannasi, indicada pela Associação Mineira do MP, respectivamente.
 
"Orgulho-me por estar participando de uma iniciativa inédita e histórica da Conamp, na companhia de mulheres competentes e inspiradoras de todo o MP brasileiro, que também compõem a comissão. A Conamp tem um relevante papel na modificação e evolução social, e acredito que a comissão beneficiará não só promotoras e procuradoras de Justiça, mas todas as mulheres", afirmou Nayani.
 
(Com informações e fotos da Conamp)