Cesaf discute temas de qualificações e calendários de atividades para 2019

Imagem

O presidente da Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP), Luciano Casaroti, participou nesta segunda-feira, 18, de uma reunião de coordenadores dos centros de apoio operacional no Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Cesaf). Encontro organizado pelo coordenador do Cesaf, Octahydes Ballan Junior, teve como objetivo de definir temas prioritários para a qualificação de membros e servidores, estabelecer pautas de interesse das diversas áreas de atuação e esquematizar um calendário de eventos para o ano de 2019.

 

Octahydes explicou que pretende atuar em duas frentes distintas em relação ao aperfeiçoamento funcional. Uma destinada ao planejamento e realização de oficinas, para a difusão dos conhecimentos de caráter predominantemente técnico e prático. A outra será voltada à programação de cursos de média duração, subdivididos em módulos, relacionados a temas jurídicos de maior complexidade.

 

Luciano Casaroti avalia que a iniciativa do Octahydes é importante e que a ATMP será parceira das ações de qualificação dos membros e servidores, que garantirão um trabalho com mais qualidade à sociedade.

 

Por parte dos Centros de Apoio Operacionais, participaram presencialmente da reunião os coordenadores do Urbanismo, Habitação e Meio Ambiente, José Maria da Silva Júnior; da Infância, Juventude e Educação, Sidney Fiori Júnior; e o subcoordenador do Patrimônio Público e Criminal, Juan Aguirre. Telepresencialmente, participaram a coordenadora da área do Consumidor, Araína Cesárea D’Alessandro; e o coordenador do Patrimônio Público e Criminal, Vinícius de Oliveira e Silva. A coordenadora do Centro de Apoio Operacional da Cidadania, dos Direitos Humanos e da Mulher (Caocid), Jacqueline Orofino, encaminhou por escrito suas sugestões porque realizava audiência em Gurupi. (Com informações da ascom do MPE)