09/06/2021 09:57:41

Nota de Pesar

Imagem

É com muita tristeza e com profundo sentimento de pesar que a Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP) comunica o falecimento do promotor de justiça aposentado Lucídio Bandeira Dourado, de 60 anos de idade, vítima da Covid-19.

Lucídio Bandeira foi juiz de direito no Distrito Federal e promotor de justiça no Estado do Rio Grande do Sul. Ingressou no Ministério Público do Estado do Tocantins em 1997, atuando na Promotoria de Justiça de Pium. Passou pelas Comarcas de Pedro Afonso, Colinas do Tocantins, Arapoema, Araguacema, Itacajá, Guaraí, Colmeia, Cristalândia, Wanderlândia e Paraíso do Tocantins. Em 2014 foi removido para Capital, onde foi titular da 2ª Promotoria de Justiça.

Além disso, ocupou a suplência da Coordenação do Centro de Apoio Operacional dos Direitos Humanos (CAPDH) e integrou o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO).

Na Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP), Lucídio foi Diretor de Relações Públicas no biênio 2002/2004.

O promotor de justiça se aposentou em dezembro de 2019, após 22 anos dedicados à carreira ministerial.

A diretoria da ATMP externa sua solidariedade aos familiares e amigos do associado Lucídio Bandeira Dourado nesse momento de dor.